Sunday, 20 March 2011

Minha entrevista publicada no Jornal do Commercio


PARA LER AMPLIADA A ENTREVISTA QUE DEI AO JC DE PERNAMBUCO CLIQUE NA IMAGEM.


O Brasil está próximo de efetivar a oportunidade histórica de aprovar a sua imprescindível Comissão da Verdade para investigar os crimes políticos, assassinatos, torturas e desaparecimentos forçados ocorridos durante a ditadura militar (1964-1985).


O Pl 7376/2010 foi enviado pelo Executivo para Câmara dos Deputados em maio do ano passado, e o novo governo parece ter conseguido um acordo entre o Ministério da Defesa, Secretaria Especial dos Direitos Humanos e Ministério da Justiça sobre uma proposta de texto de lei que institui, quase 30 anos do fim da ditadura, a Comissão da Verdade. O governo federal está otimista com a perspectiva de que a Comissão seja aprovada ainda este ano.


De volta ao Brasil depois de quase seis anos fora, após ter entrado de cabeça e coração em pesquisas e ativismo sobre temas de Memória Histórica, Transformação de Conflitos e Cooperação Sul-Sul, tive a oportunidade graças ao companheiro Marcelo Mário Melo ( e espero que haja outras) de dar visibilidade as minhas investigações nesse campo em uma entrevista, publicada hoje, no Jornal do Commercio – um dos principais periódicos de Pernambuco.


É também a possibilidade de estar mais organicamente presente e ativo nas discussões e na militância nesse campo, expondo análises e comparações dos empreendimentos por Memória Histórica – jurídica e culturalmente, em âmbito governamental e em iniciativas da sociedade civil – em El Salvador e em analogia a experiência e o momento do Brasil.


Aqui em Recife teremos a partir do dia 31 deste mês – quando se completam 47 anos do golpe militar – pelo menos quatro atos públicos em favor da instalação da Comissão da Verdade do Brasil.


Para ler ampliada a entrevista que dei ao JC , clique na imagem acima.

3 comments:

Marcia said...

Parabéns, Aleks, excelente reflexão.
Abraço
Márcia

Ev-an-thia said...

ouaouuuuu!!!
que elegante mi senor :)
xx

Leandro Gaúcho said...

Parabéns pela entrevista meu estimado amigo!!! Muito importante!!!
Um forte abraço e votos de sabedoria!!! Sempre!!!